domingo, 21 de fevereiro de 2010

JÁ QUE O FEIJÃO NÃO FALA NADA

Eu falo.

A Caldense até agora não ganhou nenhum jogo no campeonato mineiro. O time não tem poder de fogo, o Thiago Pereira é uma bela duma bosta, o Capanoce me chega colocando o Luizinho pra jogar no ataque, sendo que ele poderia ter rendido bem mais enquanto meio campo.

Mas não adianta. Cinco jogos, três empates e duas derrotas. Dois gols até aqui, um hoje e um contra o Tupi, tomado numa goleada de 5x1. Galo, Ipatinga e América fora de casa, se eu não me engano. Se o time ainda demonstrasse reação, dava pra criar alguma expectativa de melhora. Mas o time é péssimo, horrível, deficientíssimo.

Alguns falam que a culpa é do diretor de futebol, Jânio Joaquim. Eu sei lá, não tenho provas contra o cara pra falar alguma coisa. Apenas fico sabendo de, digamos, contos. E quem conta um conto aumenta um ponto.

Se a culpa é de X, Y, Z, não importa. O que importa é que depois de voltar pra primeira divisão, o time está treinando junto desde o ano passado e não deu resultado nenhum, o que coloca a Caldense à beira de um fiasco monumental, para às suas proporções enquanto clube do interior.

Salvem, salvem a Veterana.

Lucas Fogueteiro.